Resenha número 46.

16 fevereiro 2012

Antes de começar a resenha de hoje, tenho um recadinho a você leitor. Para isso, clique em leia mais e boa leitura! 


Em primeiro lugar, gostaria de pedir desculpas pelo blog estar parado desde domingo. A nossa resenhista Pâmella Ferracini infelizmente teve que deixar o blog , e minha casa ficou sem energia até ontem, não havendo jeito para postar as resenhas. Prometo que a partir de hoje tudo se normalizará e eu , Pamela Moreno e o Willian estamos vendo como vamos ajeitar as datas, postagens e se haverá alguma inscrição para novo resenhista. Peço a compreensão de todos! Obrigada!

O diário de Bridget Jones
Autora: Helen Fielding
Editora: Best Bolso
Nota: 

Sinopse: Escrito na forma de diário, o romance relata um ano na vida de Bridget Jones, uma solteira de trinta e poucos anos, que luta com todas as forças para emagrecer, encontrar um namorado, parar de beber e largar o cigarro. Bridget trabalha em uma editora, mora sozinha, é apaixonada por seu chefe e cultiva o hábito de conversar com amigas que, em torno de uma mesa de bar, sempre têm soluções teóricas para todos os problemas.


Leitura leve e engraçada, conseqüentemente também rápida. Uma delícia! Excelente para deixar qualquer de mulher de bom humor. Quando rimos e nos desesperamos de Bridget Jones também rimos e nos desesperamos com nossas próprias neuras, já que toda mulher traz dentro de si um pouquinho dessa personagem tão humana quanto toda mulher sabe ser


Sobre o autor: HELEN FIELDING Helen Fielding consagrou a mulher moderna como sucesso de público. Seu primeiro livro, O DIÁRIO DE BRIDGET JONES, vendeu dois milhões de exemplares no mundo todo e mais de 40 mil no Brasil; foi best-seller na Inglaterra; ganhou o British Book Award de 1998; freqüentou a lista de mais vendidos nos Estados Unidos por duas semanas; e foi publicado em 23 países diferentes. E não foi à toa. Sua personagem conquistou leitores de todas as partes do mundo com suas neuroses, problemas e conflitos que a maioria das mulheres vive, em todo o mundo. Londrina típica e celebridade desde que se tornou conhecida como a autora de O DIÁRIO DE BRIDGET JONES, Helen Fielding é jornalista e já exerceu a profissão, trabalhando para a BBC (em Londres) na produção e realização de documentários. Hoje, aos 42 anos, tem-se dedicado à carreira de escritora e estará lançando em abril na 16ª Bienal Internacional de São Paulo seu segundo livro, Bridgett Jones no limite da razão, nos intervalos de sua atribulada agenda. Sem contar que Helen providenciou a adaptação do seu best-seller para o cinema. Mas tudo isso não existiria se não fosse uma coluna de jornal. Em 1995, Helen foi convidada a escrever uma vez por semana para o jornal inglês “The Independent”. Resolveu, então, desenvolver uma personagem que pudesse mostrar as contradições enfrentadas pelas mulheres nos dias de hoje. Nasceu Bridget Jones, alter ego ficcional de Fielding, que pode soltar seu humor na pele da sua criação, sempre inspirando-se em várias amigas e em si própria para compor o cotidiano urbano e criar situações que ilustram as neuroses e os conflitos das mulheres modernas. Aliás, Helen Fielding tem muitos pontos em comum com sua anti-heroína. Trabalhou na mídia, é solteira e fuma — apesar de dizer que está sempre se preparando para deixar o vício. E, como diz a própria Helen, “ainda me sinto envergonhada por ter passado dos trinta anos e ainda ser solteira”.



6 comentários

  1. Amoooo demais esse livro, nossa eu ri horrores aqui sozinha lendo.

    ResponderExcluir
  2. Um dia ainda leio! Me dizem que é ótimo!

    Acabei de postar! Faz uma visita? http://olhosleem.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oie Pamela, estou retribuindo aqui a visitinha, e aproveitei pra seguir tambem, gostei muito do seu blog.
    acho que sou a única que ainda não esse livro, eu já assisti o filme e gostei muito,e com certeza o livro deve ser muito melhor, e depois de ver a sua opinião sobre ele, me despertou o interesse de lê-lo, vou adicioná-lo a minha longa lista de leituras rs!!

    beijos!!
    http://em-sintonia-com-os-livros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi Pâmela já estou seguindo seu blog, mas fiquei um pouco triste porque você passou pelo meu, deixou um recadinho e não seguiu ele, tenho certeza que você vai voltar, te espero lá, bjssssss....

    ResponderExcluir
  5. Agora sim minha felicidade ficou completa, sentir-me muito honrado com sua presença e beleza em meu blog,estarei sempre a disposição!

    ResponderExcluir
  6. Eu quero ler...parece divertido...rsrsrsr beijinhos e bom final de semana

    http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/

    ResponderExcluir