Resenha número 60.

12 março 2012


Um velho que lia romances de amor
Autor: Luis Sepúlveda
Editora: Relume Dumará
Nota: 

Sinopse: O primeiro e mais premiado romance do chileno Luis Sepúlveda está de volta, após ser traduzido em inúmeros países. O autor baseia-se em sua experiência na Amazônia para contar a história de António Bolívar, um homem que vai viver com a mulher na maior floresta tropical do mundo e aprende que a vida na selva não é para qualquer um. Ao sentir necessidade de se transportar para um universo idílico, longe da cruel realidade da vida, António passa a se interessar por romances de amor.


Encontrei " um velho que lia romances de amor" abandonado num sebo aqui perto de casa. Quando olhei para o título, sabia que tinha de lê-lo o mais rápido possível.
Foi uma experiência muito nova, porque até aquele momento eu nunca havia lido algum livro que o cenário fosse a floresta Amazônica.
É uma história linda demais sobre a imaginação e coragem de um velho que precisou aprender a viver na mata com os aborígenes. 
Como em todo bom livro, este personagem tem uma personalidade incrível, embora simples e humilde, mas que pode se salvar da velhice do espirito quando descobriu que sabia ler! Se entregando assim às histórias de amores não correspondidos.

"- Sabe ler? - perguntaram."
"- Não me lembro."
"- Vamos ver. O que diz aqui?"
"Sabia ler."
"Foi a descoberta mais importante de toda a sua vida. Sabia ler. Era possuidor do antídoto contra o peçonhento veneno da velhice. Sabia ler. Mas não tinha o que ler."

Um velho que lia romances de amor tem uma escrita simples, apropriada ao personagem, que te faz querer ler cada vez mais!



Sobre o autor: Luis Sepúlveda é chileno, nascido em 4 de Outubro de 1949 na cidade de Ovalle, província de Limarí, é mundialmente conhecido como escritor, apesar de ser também, jornalista, ativista político e diretor de cinema. Membro da Juventude Comunista a partir de 1964, licenciou-se em Santiago do Chile em encenação teatral.

2 comentários

  1. Oii!
    Não conhecia esse livro, mas adorei sua opinião sobre ele, já até anotei o nome dele! Parece ser muito bonito mesmo!
    Ótima indicação! :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Gosto de resenhas como a sua, claras e objetivas. Da vontade de sair lendo todas, pena que o tempo não permite kk. Não conhecia esse livro, mas achei ele muito interessante, a capa também é muito bonita.

    Abraços
    Abraços
    http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir