[Resenha O Mensageiro

01 julho 2016

O mensageiro
Autor: Lois Lowry
Editora: Arqueiro
Número de Páginas: 160
Onde comprá-lo: Amazon | Submarino

Sinopse: Há seis anos, Matty chegou ao pacato Vilarejo. Sob os cuidados de Vidente, um cego que tem uma visão especial, ele amadureceu e se adaptou à nova vida. Agora, espera receber seu nome verdadeiro, que determinará seu valor ali, como ocorre com todos os habitantes. Contudo, algo nefasto está se infiltrando no Vilarejo, e os moradores, antes orgulhosos de receber forasteiros, passam a exigir que as fronteiras sejam fechadas para se protegerem. Por ser um hábil mensageiro, Matty é encarregado de avisar os outros povoados sobre o bloqueio. Sua missão também tem outro grande objetivo: buscar Kira, a filha de Vidente, antes que seja tarde demais. Ele é o único capaz de viajar pela Floresta, que já provocou algumas mortes. O problema é que ela também está se tornando um lugar perigoso para o garoto. Mas muitos dependem de Matty. Então, armado apenas de um poder recém-descoberto, ainda incompreensível e incontrolável, ele se arriscará a fazer o que talvez seja sua última viagem. 

Este é o terceiro volume da série The Giver Quartet (O Quarteto Doador) e foi, sem sombra de dúvidas, o que mais me levou às lágrimas, isso desde o início. Mas o final acabou comigo, hahaha. Andei buscando a opinião de outros blogueiros, enquanto digeria o que havia acabado de ler, e estamos quase todos com a mesma afirmativa: dos três já publicados, este é, sem comparações, o melhor.

Matty vive no Vilarejo há seis anos, juntamente com Vidente, um cego que tem um grande poder... Aquele lugar é conhecido por receber pessoas fugidas de outras comunidades, que eram autoritárias demais e tiravam a liberdade deles. Mas infelizmente algo está mudando. A floresta, que rodeia o local, está cada dia mais impenetrável, e somente nosso jovem protagonista é capaz de se embrenhar ali para enviar as mensagens aos outros povoados.

E é em uma dessas viagens, para avisar que haverá a criação de uma barreira para impedir que novas pessoas cheguem, que tudo muda para Matty. Na realidade, tudo está diferente. Detalhes que passariam despercebidos pela maioria, são os primeiros que o jovem observa. Ele sabe que há algo de errado e que esta nova missão servirá para alertar os demais.

Era fácil: entregar as mensagens e voltar a salvo. Mas Vidente pede para que ele traga sua filha, pois está na hora de retornar ao seu lar. Claro que ele não poderia deixar de realizar este pedido. Mas será que todos ficarão em paz novamente?

Totalmente diferente dos demais, na construção do enredo, o final foi surpreendente. É claro que encontramos elementos que já apareceram em O Doador de Memórias e A Escolhida. Alguns pontos em comum nos são apresentados e entendemos o porque da ligação entre eles a partir do que Matty realiza na cidade, mas foi tudo tão mais emocionante que não contive as lágrimas.

Assim como nos demais, nosso protagonista está ansioso para descobrir qual será finalmente seu nome perante a sociedade, qual será sua função ali. E mesmo que já a desempenhe, ele não faz a mínima ideia de que ela tem extrema importância para si próprio e para os demais.

A editora Arqueiro caprichou novamente na edição, com capa belíssima, sem erros de revisão e diagramação interna semelhante aos demais livros da série. Novamente, para quem gosta deste tipo de enredo, vai se entregar de corpo e alma à leitura!

Nenhum comentário

Postar um comentário