Resenha número 71.

02 abril 2012


Obs(cena)s
Autora: Janaína Calaça
Editora: Patuá
Nota: 

Sinopse: " (...) Ao fazer uso de uma linguagem que prima pela ausência de pudores, a escritora dramatiza uma reversão de valores frequentemente atribuída ao mundo moderno globalizado: o sexo transborda, “perversões” abundam, e a sentimentalidade do amor se mostra obscena. Décadas atrás, Roland Barthes, em um dos verbetes dos Fragmentos de um discurso amoroso, definiu-o como obsceno, como um discurso de extrema solidão, cortado dos mecanismos de poder e menosprezado pelas linguagens existentes. No mundo moderno, não é o langor da carne que deveria ser ocultado, mas o patético do sentimento amoroso. No entanto, esse discurso ainda continua sendo falado “por milhares de sujeitos” (...)" Antonio Laranjeira Doutor em Letras e professor de Teoria da Literatura na Universidade Federal da Bahia.


No começo eu me assustei devido ao título do livro "Obs(cena)s", pois dá a entender que é repleto de cenas impróprias, mas eu consegui achar 4 contos (de 17) sem linguajar erótico: "dia de limpeza", "festa", "herança" e "o tempo e as botas".
Mesmo sendo poucos os que gostei, não posso deixar de dizer que outros contos são bem legais, e o que estragou foram os termos indiscretos, como palavrões por exemplo, visto que eu não gosto de histórias assim. Também há contos bem pesados que olhei rápido e já pude notar a proeminência de sexo explícito, coisa que não me agrada.
Pude notar também que os personagens seguem uma linha de personalidade, embora a identidade de cada um não seja aprofundada, parte deles não consegue se encaixar no que a sociedade diz como "normal", eles são tímidos, carentes, e a maioria como se vê tem como refúgio as noites indecentes. São contos rápidos, onde os personagens parecem viver fora das páginas e você poderá encontrá-los numa esquina ou num elevador.



Sobre a autora: Janaína Calaça nasceu em 1982, em Salvador, Bahia. Em 2007, se mudou para São Paulo. É graduada em Letras pela UFBA e hoje dedica-se a por o pé na estrada, escrevendo sobre viagens para o Jeguiando.

3 comentários

  1. Oi Pamela,
    Legal a sua resenha.
    O livro parece bem interessante e confesso que ficou curiosa para ler.
    Gostei do seu blog e já estou te seguindo ;)
    Renata
    http://escutaessa.blogspot.com.br
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  2. Oi
    Olha, acho que eu posso acabar gostando desse livro... sou adepto da frase: se para fazer um bom livro e necessário colocar palavrões e linguajar erótico/impróprio, então que seja posto... kkkk
    Adorei a resenha, bem sincera.
    Beijos,

    Gabriel M. Souza
    http://carolespilotro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Parece interessante, mas só lendo mesmo pra fazer um julgamento adequado. Confesso que sou uma grande fã de contos, e foi bom ler sua resenha, pois se visse esse livro em uma livraria, provavelmente, nunca o compraria.
    Abraços.

    ResponderExcluir