[Técnicas de Redação] Descrição

26 abril 2014

E depois de muito tempo sem atualizar a coluna Técnicas de Redação, cá estou eu. Neste sábado, veremos o que é a DESCRIÇÃO. Se você quer aprender um pouco mais, clique em Continue Lendo e boa leitura!





Quando precisamos caracterizar um objeto, real ou imaginário, pelos aspectos que o compõem, fazemos uma descrição. Esses aspectos tanto podem ser físicos como psicológicos.

Mas descrever não é produzir uma lista exaustiva de detalhes, e sim, selecionar aqueles que sejam mais relevantes para individualizar o que se descreve.

OS TIPOS

Quando a descrição aproxima-se da maneira impessoal de dar os detalhes do ser descrito, recebe o nome de objetiva. Caracteriza o que descreve por meio de uma fiel reprodução, o que significa utilizar palavras exatas, específicas. É uma descrição que poderia ser feita por outra pessoa, porque é uma apreensão do real.

Em frente à lareira, o tapete grosso e macio, que tantas vezes havia sido apoio para jogos e conversas noite adentro, cumpria outra vez sua função. No canto, a antiga cadeira de balanço talhada em bambu e costurada em palha implorava por sair da imobilidade. Quadros de corda colorida nas paredes, livros empoeirados sobre a velha estante de mogno, dois sofás cobertos com mantas de linha creme. Eucaliptos em brasa, querosene queimando nos lampiões, canções dos anos 90 no player em formato de porco cor-de-rosa.
(GOMYDE, Mauricio. Dias Melhores Pra Sempre. Brasília, Porto 71, 2013, p.13-14).

Se permitimos que nossa visão pessoal comande a descrição, ela se chama subjetiva. Filtramos a imagem do que descrevemos, dando-nos a liberdade de fugir da simples reprodução.

Quando olhada de face, era um abril. 
Quando olhada de lado, era um agosto. 
Duas mulheres numa: tinha o rosto 
Gordo de frente, magro de perfil. 
(In: Estrela da Tarde)

ESTRUTURA

Como o texto narrativo, o descritivo tem sua estrutura determinada pela escolha do autor. É ele quem resolve como vai dividir o que está descrevendo e, em decorrência, como vai organizar o texto.

16 comentários

  1. gostei desse post, bem diferente.
    A descrição que mais me agrada é a subjetiva <3
    http://ler-e-ser-feliz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Post nota 10! =D
    Irá ajudar muitas pessoas, como eu, a descrever melhor as coisas em geral.
    Parabéns pelo post, Pam! <3

    ResponderExcluir
  3. Que post perfeito, está de parabéns, Pamela. =)

    ResponderExcluir
  4. Oi Pamela! Adorei a ideia de trazer essas dicas de escrita pro blog. É muito importante saber escrever bem, principalmente pra quem está a um passo do vestibular, como eu. Com certeza você vai ajudar muuuuita gente! Inclusive, já vou divulgar esse post :3
    Adorei! Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Realmente fazia tempo que não via essa coluna por aqui... que bom que ela voltou! =)

    Gostei principalmente do que você disse sobre descrever envolver a seleção dos detalhes realmente importantes, e não englobar uma lista exaustiva de detalhes... tem muita gente que não entende isso.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  6. Oi Pamela!
    Adorei a coluna!
    Achei super inovadora para uma coluna com dicas de redação! Ajuda todos que gostam de ler e escrever, além de ser uma super dica para aqueles que estão em fase de vestibular.

    Beijoo.
    Becca
    www.maispradizer.com

    ResponderExcluir
  7. Oiee, eu adoro suas dicas de redação rsrs, eu não costumo guardar essas regras e tal até porque não gosto muito de estudar português, na maioria das vezes escrevo sem pensar nas estruturas reais do texto o que as vezes deixa a redação um pouco ruim rsrs, enfim, adorei a coluna, Abraços

    ResponderExcluir
  8. Oiiiiiiiiii
    Adorei, vc acredita que eu estava lendo sobre isso ontem na minha aula de redação da faculdade!
    Me ajudou muito!

    Obrigada

    ResponderExcluir
  9. Parabéns pela iniciativa. Achei o post bem instrutivo.
    A descrição é muito importante em um texto e em um livro.
    Irei acompanhar mais dicas ;)

    Palácio de Livros

    ResponderExcluir
  10. Olá! Estava com saudades desta coluna rsrs.

    Entre uma história narrativa e descrita, eu prefiro a descrita. Parece ser melhor em todos os aspectos, faz o leitor entrar na história. Gosto de textos objetivos, nada de muitos detalhes. Abraços Pan!

    Jonathan Freitas - http://momentoliterario1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oiee Pam ;)
    Como sempre aprendo um pouco mais com seus post, gosto muito dessa coluna e salve a fessorinha ;)

    ResponderExcluir
  12. Oi Pamela, tudo bem?
    Você já sabe que gosto muito dessa coluna. Dessa vez vocês trouxe um tipo de escrita que acho muito interessante, pois ela pode ser extremamente pessoal.
    É impressionante como um mesmo objeto pode ser descrito de várias formas diferentes. Pois depende de quem está descrevendo.
    Beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Pamela tudo bem ?
    Eu gostei demais dessa coluna, sério é muito bom para nós mesmo blogueiros quando vamos escrever uma resenha por exemplo. Achei a postagem muito objetiva, sem enrolação muito boa mesmo, além da iniciativa de dar dicas de português muito bom hein.
    Esse layout está muito bonito, muito bem feito. Parabéns !!
    Beijos, Carlos.

    http://blogchuvadeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Eu estava sentindo falta dessas orientações, estou passando todos os links sobre essas técnicas para meu filho que vai começar a se preparar para o vestibular.
    Mas a dica de hoje com certeza vai ajudar bastante quem tem vontade de começar a escrever sua história.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  15. Adoro as suas aulas professorinha!
    Pam!
    Essa eu já conhecia! Um coisa que eu gosto demais na literatura são as descrições, de qualquer tipo!
    Muito bom post!
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Acho bem legal esse tipo de post, que traz coisas interessantes e úteis para o pessoal!
    Descrições bem feitas e não maçantes enriquecem e tornam qualquer leitura muito mais agradável. Beijos e boas leituras e redações :))

    ResponderExcluir