[#SouFãDeLivros] Indicação: Fragmentados

22 agosto 2015

Este é o primeiro post da coluna #SouFãDeLivros. Seis blogueiros se reuniram, leram o livro e irão falar sobre a obra.  Para conhecer a coluna, clique aqui.

O livro escolhido foi:
Editora: Novo Conceito / Gênero: Distopia / Páginas: 317
Sinopse:  Em uma sociedade em que os jovens rejeitados são destinados a terem seus corpos reduzidos a pedaços, três fugitivos lutam contra o sistema que os fragmentaria. Unidos pelo acaso e pelo desespero, esses improváveis companheiros fazem uma alucinante viagem pelo país, conscientes de que suas vidas estão em jogo. Se conseguirem sobreviver até completarem 18 anos, estarão salvos. No entanto, quando cada parte de seus corpos desde as mãos até o coração é caçada por um mundo ensandecido, 18 anos parece muito, muito longe. O vencedor do Boston GLobe-Horn Book Award Neal Shusterman desafia as ideias dos leitores sobre a vida: não apenas sobre onde ela começa e termina, mas sobre o que realmente significa estar vivo. 


_______________________

Durante duas semanas nos dedicamos a Fragmentados. Conversamos sobre o livro através de um grupo. Cada pessoa de um lugar do país. Unidos pela leitura, unidos porque somos #FãsDeLivros... Unidos para compartilhar com vocês a nossa opinião. Confira:

Érick Vinícius Ferraz - Blog Like Livros.            Fragmentados é uma distopia diferente de todas que li. O autor se destaca pela sua originalidade, narrativa e a forma como descreve os fatos. A leitura é rápida pois os capítulos são pequenos e a história desperta curiosidade. O livro aborda assuntos polêmicos que podem ser vistos como críticas, isto depende da interpretação de cada leitor. Indico este livro a pessoas que nunca leram distopias, indico - dez vezes mais - para quem é fã do gênero. Vale a pena!


Mari Araújo - Blog Stories and advice                             
A história me chamou atenção logo que vi o Booktrailer, mas parte do que encontramos lá vemos um pouco mais para a metade do livro, conhecemos três jovens que são totalmente diferente, com ideias e pontos de vista distintos, todos indo para a fragmentação, que se trata de fragmenta jovens entre 13 e 18 anos, para assim completa outro ser humano, seu conceito é que quem vai para esse processo não morre, vive em cada parte sua que está em outra pessoa.

Zilda Peixoto - Blog Cachola Literária         .                      
Fiquei decepcionada com Fragmentados. Um livro que possui uma premissa interessante, personagens igualmente interessantes, mas que por algum motivo se perdeu no caminho. Pecou pela prolixidade e pelo ritmo lento. Dá pra salvar alguma coisa, mas é preciso paciência para lapidar o que de bom ele tem a oferecer.




Caíque Fortunato - Blog Entre Páginas de Livros                        
Fragmentados é um livro que bem diferente que dividiu algumas opiniões ao longo da leitura.. Por um lado temos uma história de distopia intrigante, um pouco bizarra, muito bem pensada, e, acima de tudo, original. Contudo, mesmo tendo muitos bons ingredientes o autor não conseguiu desenvolver e aprofundar muito em sua história. Não que o livro seja ruim, ele é bom, rápido e objetivo na maioria das vezes, no entanto a narrativa não é tão envolvente e um pouco "seca". No entanto, destacam-se a construção dos personagens e várias críticas sociais em várias visões diferentes, como o papel da igreja e a fé exacerbada, por exemplo, que é muito interessante. Também é discutido o poder da amizade, o papel da lei e governo e muitos tópicos que merecem nossa reflexão.

Jéssica Figueiredo -Blog  Hora da Leitura
Fragmentados foi um livro que no decorrer da narrativa fez com que eu me fizesse várias perguntas. O autor abordou religião, aborto e principalmente "doação" de órgãos. Uma cena em específico me fez ficar bastante tensa. Achei a leitura interessante, pois queria saber mais sobre o universo criado. Terminei então devorando o livro em dois dias. Algo que fiquei chocada foi com a facilidade que os pais entregavam os filhos para serem fragmentados. Este livro nos faz refletir do início ao fim.



Pamela Moreno - Blog O diário do leitor Fragmentados me chamou a atenção desde a divulgação da capa pela editora Novo Conceito. Essa vontade aumentou com o lançamento do book trailer e do kit maravilhoso que chegou em casa. A proposta do autor é inovadora – em certos pontos – mas ele não conseguiu desenvolver de maneira prazerosa. Mesmo assim, a leitura é válida e fará você se sentir apreensivo em diversos momentos. Recomendo!
E você leitor... Lerá o livro? Qual é a sua opinião? Queremos saber!

#SouFãDeLivros. Obrigado a todos você, blogueiros amigos que participaram da primeira postagem do projeto. Muito obrigado mesmo!


Gostou da ideia? #SouFãDeLivros está só começando. Fique ligado para saber qual será o próximo livro escolhido e os blogueiros participantes.

3 comentários

  1. Amei o projeto!! Achei super interessante ler diversas opiniões sobre um mesmo livro, e já estou ansiosa pelos próximos posts.
    Parabéns pelo projeto!!!
    E quanto ao livro, claro que vou ler hahaha.
    Beeijos

    ResponderExcluir
  2. eu to doidaaaa para ler esse livro.. adorei esse tipo de coisa onde cada um da a opiniao do livro :)

    ResponderExcluir
  3. Muito bacana a proposta do projeto, para a gente ter várias opiniões sobre o mesmo ponto. Uma ótima ideia, tenho certeza que dará certo! Em relação ao livro, é um dos mais desejados!

    ResponderExcluir