Resenha número 49.

22 fevereiro 2012

Tudo pode Mudar
Autor: Jonathan Tropper
Editora: Arqueiro
Nota: 
 
Sinopse: Aos 32 anos, Zachary King é um homem que parece ter a sorte a seu favor. Possui um emprego estável, divide um apartamento luxuoso com um amigo milionário e está noivo de Hope, uma jovem inteligente, sensual e muito acima de seu nível social. Mas tudo começa a mudar quando ele encontra sangue em sua urina. Preocupado, procura imediatamente um médico, que o aconselha a investigar a causa do sangramento.
Obcecado pela ideia de que se trata de um câncer, Zack começa a refletir sobre sua vida e as escolhas que fez até então. Nada parece satisfazê-lo de verdade. Seu trabalho é estressante demais e ele não tem certeza se ama Hope da forma como deveria.
À medida que o casamento se aproxima, Zack é assombrado pela lembrança de Rael, seu melhor amigo, morto em um acidente dois anos antes, e por seus sentimentos cada vez mais complicados por Tamara, a bela viúva de Rael.
Como se tudo isso não fosse ruim o bastante, seu pai, um homem inconsequente e viciado em Viagra, reaparece após 20 anos de ausência tentando reparar os erros do passado.


 Livro interessantíssimo. Leitura boa e fácil, não muito grande. Zachary, é um cara apesar de tudo, bastante divertido. Confesso que rolava de rir com as coisas que ele fazia e falava, apesar de não ser o foco principal do livro, o lado cômico. 
Gostei muito, do enredo do livro, e ... de Tamara. Na verdade, eu escolhi este livro não pela estória, mas pela capa. Sim, eu gosto de capas lindas, e não sei porque me interessei por ela, mas, aos poucos, esse livro ultrapassou as barreiras da capa, e, me fez apaixonar por ele.
Resenha básiquinha, mas, com um toque especial. Recomendo. 

                               
Sobre o autor: Jonathan Tropper é o autor de "Como Falar com um viúvo" (Lançado no Brasil pela editora SEXTANTE), "Everything Chage", "The Book of Joe", "Plan B" e, mais recentemente, "This Is Where I Leave You". Ele vive com sua família em Westchester, Nova York, onde ensina a escrever no Manhattanville College. Ele está adaptando "This Is Where I Leave You" como um longa-metragem para a Warner Brothers Studios.

Um comentário

  1. É um livro que quis ler desde que vi a capa! Adorei saber que é tão bom quanto parece =D

    ResponderExcluir