Resenha: A Redescoberta do Mundo, por Thrity Umrigar. #133

16 janeiro 2013



A Redescoberta do Mundo
Autora: Thrity Umrigar
Editora: Nova Fronteira

Sinopse: Na Índia da década de 1970, Armaiti, Laleh, Kavita e Nishta eram quatro amigas inseparáveis. Quis o destino que as quatro seguissem por rumos completamente diferentes, passando décadas sem se falar, mas o destino também quis que elas voltassem a se encontrar. Armaiti, então vivendo nos Estados Unidos, descobre que está gravemente doente e, como um último desejo, procura encontrar as grandes amigas do passado. Nessa jornada, as amigas enfrentam verdades, desejos e arrependimentos, e vivem uma história emocionante sobre o valor da amizade.


            Primeiramente gostaria de agradecer a editora Nova Fronteira por ceder o livro como mimo de aniversário de 1 ano do blog para mim. Muitíssimo obrigada mesmo!
            A Redescoberta do Mundo vai tratar sobre temas importantes que fazem parte de nosso dia-a-dia, querendo ou não. A separação de grandes amizades por causa do tempo e do rumo profissional de cada um, as doenças que os une novamente, o preconceito familiar com relação a casamentos fora de casta. Tudo isso resume o romance escrito por Thrity Umrigar.
            Já disse o quanto gosto de histórias que se passam nos mais variados países? Aqui, podemos observar os valores, crenças, que o povo indiano prega. O uso da burca é um grande dilema que faz parte das mulheres. No livro, Nishta a retira no avião e diz que se sente:

- Nua... Exposta... Apavorada. E livre.

            A doença de Armaiti serve como base para grandes intrigas, descobertas de fatos que aconteceram no passado, mas que junta as amigas novamente. É realmente belo ver como elas ainda tem o amor da verdadeira amizade dentro de seus corações, mesmo que faça algum bom tempo que não se veem.
É impossível não se emocionar a cada trecho. A escrita é espetacular e a leitura envolvente. Com certeza, Umrigar é uma contadora de histórias. Se deixe levar pela magia dela.

4 comentários

  1. Amei o enredo, gosto muito de livros q tratam de assuntos delicados de uma forma intensa sem se tornar agressivo...gostei muito da resenha!

    Aproveitando, fui indicada a um selinho e estou indicando vc, espero que vc goste...está aqui o link http://pingentesdeilusao.blogspot.com.br/2013/01/selinho-e-tags.html

    ResponderExcluir
  2. Tambem adoro livros que mostem outros países com seus costumes e historia. Tens outros nesse estilo para indicar ?
    Conheci seu blog hoje. Parabens !!

    ResponderExcluir
  3. Lendo seu blog antecipei a curiosidade de saber que Nishta vai então embarcar. Não terminei o livro mas é leitura deliciosa.
    E aí, feliz? Pois é, blogueira, talvez agora eu passe a blogar também.
    Saudações cordiais.

    ResponderExcluir
  4. Acabei de ler este livro. Também gostei, principalmente porque nos faz pensar como é bonito ter amizades que perduram apesar de tantos contratempos, distancias, separações.E acreditar que como as amigas indianas, há esperança em redescobrir outros mundos, outros amigos, outras leituras.

    ResponderExcluir