[Resenha] Laços de Sangue

16 janeiro 2014

Laços de Sangue
Autora: Richelle Mead
Editora: Seguinte
Número de páginas: 430

Sinopse: O trabalho de Sidney Sage não é nada fácil: ela e seus colegas alquimistas são os únicos a saber que vampiros existem para além das telas de cinema – e são uma ameaça real à humanidade. Para manter a ordem, eles devem impedir que esse segredo vaze e que os mortais se aproximem desses seres perigosíssimos. Agora a paz que os alquimistas vêm garantindo há tempos está prestes a desabar, e Sidney terá de proteger a princesa vampira Jill Dragomir, ou uma guerra pelo trono eclodirá no mundo dos vampiros e trará consequências avassaladoras para os homens. No entanto, defender alguém que até então era alvo de seu desprezo será mais difícil do que Sidney imaginava...

Spin-off da aclamada série Academia de Vampiros (Vampire Academy), em Bloodlines a autora Richelle Mead resolve inovar com relação à narradora. Enquanto em VA temos a história contada através do ponto de vista da dampira Rose Hathaway, em Blood temos como protagonista a alquimista Sidney Sage. Com a proposta do spin-off, reconhecemos vários rostos vistos em VA, descritos sob a perspectiva de um humano.


Sage vem de uma família de alquimistas. Foi por causa de seu pai que ela foi escolhida há tempos atrás para uma missão: cuidar de um vampiro. E foi neste exato momento que ela teve suas primeiras infelicidades, se aliando a esse ser desumano e cruel. Era vista com maus olhos pelos demais de sua classe. Portanto, sua irmã mais nova é iniciada no processo de aprendizagem. Infelizmente, como o tempo de treinamento era escasso, optaram por Sage, mesmo com o histórico de confusões. O desafio da vez era cuidar de Jill Dragomir, irmã de Lissa Dragomir, rainha dos Moroi. Ela havia sofrido um ataque, o qual quase a levou à morte. Os próprios Moroi, contrários ao que Lissa prega em seu governo, tentam fazer com que a irmã perca a vida e, consequentemente, Lissa perca o cargo.

Todos os alquimistas tem uma tatuagem dourada, e a tinta (até então de origem desconhecida para o leitor) traz consigo “poderes”, uma certa magia, que ajuda-os em suas missões.

Buscando um meio de fugir e, ao mesmo tempo, inserir Jill em uma sociedade em que vampiros se encontram apenas em filmes, livros e lendas, elas são transportadas até a Califórnia, juntamente com Eddie, guardião dampiro da vampira adolescente. Ela tem o “apoio” de um outro alquimista, Keith, além do inseparável Adrian, o qual descobrimos dentro da narrativa ter um papel mais que importante para a sobrevivência de todos.

Muitos outros personagens entram em cena, como os vampiros Clarence e Lee, respectivamente pai e filho, e que tem papel tão importante quanto os demais.

Um dos pontos mais intrigantes é com relação às tatuagens que os alunos da Escola Preparatória Amberwood estão fazendo. Parece que após elas serem feitas, feitos extraordinários são realizados pelos portadores. E o que mais chama a atenção de nossa protagonista é fato de as cores serem parecidas com as das tintas que os alquimistas usam, nas cores cobre e prata. Ambas tem efeito mais brando, e por isso não são utilizadas assim. O que interessa agora é descobrir quem é o fornecedor e de que matéria prima é extraída, embora a cabeça de Sage já saiba a resposta.

E é através de uma trama repleta de intrigas e reviravoltas que Richelle nos conta qual é a perspectiva de um ser humano que nasce para proteger seres que, na ficção, são inimigas de nós. Na verdade, eles são perigosos na realidade também, mas apenas se forem descobertos.

O final, além de surpreendente, é aquele que nos deixa muito curiosos para saber como se iniciará o próximo livro. O Lírio Dourado foi lançado em Novembro! Já tenho ele e em breve leio ^^.  E o terceiro está previsto para abril de 2014, intitulado de O Feitiço Azul. Com certeza vou adquirir o próximo e descobrir o que acontecerá na vida de Sage, Adrian e Jill, além do nosso visitante inesperado que aparece na última linha (poxa tia Richelle, isso foi maldade, rs).

A editora está de parabéns. A capa é simples, mas imprime o que está escrito no título. A diagramação é simples e conta com uma rosa abaixo de cada número de capítulo. Tamanho e letra perfeitos para a leitura e o papel é de excelente qualidade. Revisão impecável, como encontramos em poucas hoje em dia.

Postado originalmente no blog Prazer, me chamo livro!


10 comentários

  1. Oi, tudo bem?

    Alquimista mais vampiros parece muito legal. Eu não li Academia de Vampiros, então não daria certo ler esta saga. Primeiro teria que ler VA. Não sei se é preconceito, mas tenho um pouco de livros que envolvem vampiros. Final surpreendente é o que eu mais prezo em um livro, é muito legal você estar lendo e ficar de queixo caído.

    A capa é simples? Eu achei lindas, e é mais um motivo para eu querer estes livro em minha coleção. Tá difícil mesmo hoje em dia, os revisores fazerem um bom trabalho. Abraços.

    http://momentoliterario1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oii!

    Eu li só o primeiro livro da Academia de Vampiros até agora, quero ler os outros rápido para poder chegar ao spin-off que todos dizem que é melhor ainda. Demorei muito pra começar a ler a série por que não gosto muito de sagas com vampiros, mas essa foi totalmente diferente.

    Beijos
    aquelaborralheira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Amo tanto rosas!! *-* Só de saber que elas estão presentes em todos os inícios de capítulo já fico doida pra folhear o livro!! rs... E pra ler, né, só que preciso ler Academia de Vampiros antes. Nem li toda a sua resenha, porque já me disseram que tem spoilers até na sinopse desse livro pra quem não leu a série anterior.

    As capas ficaram simples, mas lindas. E adorei o fato da revisão estar impecável. Adoro finais surpreendentes, mas fico louca quando terminam desse jeito desesperador que faz a gente querer o próximo livro imediatamente. Acho melhor esperar publicarem o último livro para começar a ler. rs...

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  4. Olá, realmente a capa desse livro é linda, sem discussão, adorei o detalhe dos livros em relação as flores, será que algo haver com a narrativa? Desejo muito ler esse livro, espero em breve poder comprar. Não li os livros Academia de Vampiros, e como você disse que aparece alguns nesse livro, será que não atrapalha a leitura? Enfim, mesmo assim ele é dos meu desejados para ler esse ano,
    bjs

    http://www.loveebookss.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá tudo bem??
    Amei a resenha, porque quero muito ler esse livro, ele está na minha listinha de prioridades desse ano rsrsrs. Só que vai esperar um pouquinho porque tenho bastante livro para ler e preciso dar uma diminuída neles. Mas eu gostei de sua resenha porque não falou toda hora que era um livro que traz muito spoiler da série Academia de Vampiros, imagino sim que possa ter, mas ler uma resenha que só toca nesse assunto no fundo nem teve resenha. Eu gostei porque agora a visão é sob perspectiva de um humano e isso tem todo um charme e acredito que a Richelle foi muito perspicaz nessa escrita, pelo menos deu a entender lendo a sua resenha. Xero!11

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi Flor!
    Amei a resenha e amo de paixão a Richelle Mead! Ela aqui em casa tem uma parte da estante exclusiva dela! Adoro esse volume, tenho um super carinho pelo Adrian desde AV! Mesmo quando ele era secundário meu coração já amava ele e já li esse três bonitinhos e tenho os dois primeiros aqui em casa!
    Leia a saga toda, ela só fica melhor e melhor! s2
    Parabéns pela resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Esse foi o primeiro livro que li da autora e me apaixonei pela escrita dela! A trama me deixou super envolvida. Gostei de como Sydney lidou com tudo após descobrir quem estava por trás dessas tatuagens!
    Parabéns pela resenha!
    Beijinhos
    As Leituras da Mila

    ResponderExcluir
  8. Oi Pamela,
    tudo bem?
    Primeira coisa que quero dizer: colocar um novo personagem na última linha do livro foi demais!!!! Adorei essa atitude da autora, super criativa e intrigante.
    Eu ainda não li a saga Academia de vampiros, mas todos falam que ´muito boa. Esse livro que resenhou também está sendo muito elogiado.
    Achei diferente também esse enredo de alquimistas e tatuagens. Gostei muito.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Pamela

    A história do livro me cativou por falar sobre alquimistas e vampiros. Quero muito acompanhar Sidney.
    Mesmo não tendo lido, ainda!, Academia de Vampiros, Laços de Sangue está na minha lista de leitura.

    Super bjos
    http://www.i-likemovies.com/

    ResponderExcluir
  10. Não li sua resenha, pois ainda não terminei de ler Vampire Academy, e não quero nenhum spoiler. Ganhei esse livro da Editora Seguinte, e adorei a capa, apesar de adorar a capa original também. Pretendo ler assim que terminar VA. Beijos e boas leituras.

    ResponderExcluir