[Resenha] Doadores de Sono

08 janeiro 2017

Doadores de Sono
Autora: Karen Russell
Editora: Record
Número de Páginas: 168
Onde comprá-lo: Amazon | Submarino

Sinopse: Quando pesadelos são reais, dormir é um privilégio. Uma epidemia assola os Estados Unidos. Milhares de pessoas perdem a capacidade de dormir. Conheça a Corpo do Sono, uma organização que persuade sonhadores saudáveis a fazer doações para os insones. Sob o comando dos enigmáticos irmãos Storch, o alcance da Corpo do Sono só cresce, e ela já está presente nas principais cidades americanas. Trish Edgewater, cuja irmã, Dori, foi uma das primeiras vítimas da insônia letal, há sete anos recruta doadores para a organização. Mas sua crença na empresa e nas próprias motivações começa a vacilar quando ela é confrontada com a Bebê A, a primeira doadora universal, e com o misterioso e maligno Doador Q.

Acho que todo mundo depositou todas suas fichas na hora que solicitaram ou compraram Doadores de Sono. Aposto também que foi por causa da sinopse, que é instigante e chamativa, além de uma capa que deixa inúmeras perguntas, principalmente o que ela tem a ver com toda a narrativa, hahaha. 


Séculos à frente do nosso, uma nova epidemia toma conta do mundo: a insônia. Pessoas estão morrendo depois de passar dias sem fechar os olhos e entrar no estado de sono, mesmo que não chegue ao estágio de sono REM. 

Em Doadores de Sono conhecemos Trish, uma jovem que trabalha como recrutadora na Estação de Sono em uma cidade da Pensilvânia. Viajando pelo lugar em uma van, ela precisa convencer as pessoas a doarem horas de seu sono para os que sofrem do mal do século. Para isso, ela usa a história da própria irmã, que faleceu após vinte dias, onze horas e quatorze minutos sem dormir. No início era apenas uma insônia que tinha começado durante a adolescência, mas depois de um tempo, os remédios já não faziam mais efeito. E foi quando tudo aconteceu. Se ela tivesse tido apenas uma hora de sono, seu final teria sido diferente. 

"[...] neurocientistas concluíram que, para uma parcela significativa da população do país, a função sinalizadora do neuropeptídeo orexina se deteriorou. A deficiência foi associada à narcolepsia em seres humanos, mas esta disfunção causa o efeito oposto: um estado insustentável de superexcitação. O sono se torna impossível. Gente como Dori permanece consciente durante meses ou mesmo anos, refém da química cerebral, presa em um estado de vigília que acaba por matá-la." [página 17]

E é assim que Trish convence a todos. Dori continua sendo um momento de sua vida difícil de falar, mas ela precisa fazer isso para salvar o resto da humanidade. Tudo muda quando ela encontra um bebê de pouco mais de 6 meses. Ele tem um sono puro e aparenta ser uma doadora universal, justamente por este motivo. Persuadir a família Harkonnen foi relativamente fácil e logo começaram as primeiras extrações, realizadas de acordo com a idade e o peso da chamada Bebê A

Mas ao mesmo tempo que eles bombeiam o sono puro de Bebê A, surge um Doador Q, que descobre-se, depois, que está infectando os insones com pesadelos. Ninguém que recebe suas horas de sono quer mais dormir e uma série de suicídios tem início. Tudo precisa ser esclarecido o mais rápido possível. E é a partir deste ponto que a narrativa ganha um novo rumo. 


Nossa protagonista é uma narradora personagem. Ou seja, é ela quem dá voz a toda narrativa de Doadores de Sono. É sob sua perspectiva que conhecemos tudo o que se passa dentro da van, da Estação de Sono e de sua própria mente. E só um comentário: ô narradora pra contar tudo correndo heim, rs?

Posso afirmar que o livro tinha um incrível potencial... até chegar o final. Sério. Karen deu uma desandada em sua narrativa que por muitas vezes eu fiquei perdida, tentando entender o porque de algumas passagens estarem correndo diante de minhas vistas e outras que eram meio que “enfiadas à força” ali no meio, sem qualquer tipo de nexo. Os capítulos finais foram tão curtos e rápidos que realmente voltando a ler, você não consegue entendê-los. A menos que exista uma provável continuação, muitas dúvidas plantadas em minha cabeça ao longo do enredo não foram respondidas, e isso me deixa bem brava, porque se acabar assim, eu vou ter que criar meu próprio final. 

Além disso, como deixaram passar erros de revisão tão bobinhos? Até palavra separada errada, sem acento. Fiquei extremamente chateada porque isso colabora com o descaso que muitas vezes a obra acaba levando. Vejo muita gente desistir de livros com grande potencial apenas por causa deste tipo de erro. É algo a se pensar para uma próxima edição, viu Record?

A diagramação interna é relativamente simples, com poucos detalhes diferentes, apenas no início dos títulos. De resto, segue o padrão dos demais livros publicados pela editora. A capa é chamativa e nos faz questionar o papel dos elementos que estão ali distribuídos. 

Em suma, vou esperar novas informações e ficar de olho no Goodreads para ver se por lá sai alguma novidade acerca do título. 



16 comentários

  1. Esse livro me lembrou muito Caixa de Pássaros.
    Adorei a capa e sua resenha me deixou cuiosa e intrigada, mesmo que esse não seja o meu gênero de leitura.
    Obrigada pela visita lá no blog. Bjs.
    Lauri Brandão - Resenhista do Blog As Meninas Que Leem Livros
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda não tinha ouvido falar do livro e achei o título bem curioso e original.Fiquei pensando sobre os erros de revisão que você pontuou e me faria a mesma pergunta: como deixaram passar?
    Enfim, não fiquei muito interessada.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Pamela,
    Não conhecia o livro e fiquei bem interessada por esse enredo, até a parte dos erros. Li um livro que era bem assim ótimo potencial, mas a velocidade de algumas partes a revisão estragou tudo, o mais engraçado é que na ficha de informações tinha duas pessoas na revisão e também era erros bobos.
    Ainda fico curiosa para conferir esse livro, mas sem ansiedade.

    Bjs,
    Garotas de Papel

    ResponderExcluir
  4. Olá!! :)

    Realmente o titulo fica... Eu não conhecia o livro e tmabem gostei da capa!! :) ahah Ainda bem que gostaste!!

    E um apena que a qualidade do livro desabe no final, e bem mau quando isso acontece!! Talvez leia...

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  5. Olá =) Realmente pela ideia proposta no livros tinha um incrível potencial. Mas que chato que o autor desandou no final. É ruim mesmo quando deixa pontas soltas, as vezes o autor que uma continuação mas acho que mesmo querendo uma continuação tem que deixar isso claro para o leitor não ficar na dúvida se vai ter. Esse negocio de erro na revisão é bem complicado, pois já vi uma autora falando que antes de ter o livro impresso eles tomara o maior cuidado, varias pessoas olharam e quando foi imprimir o livro saíram alguns erros que não tinha e outros que ninguém notou. Gostei bastante da resenha. Beijos'

    ResponderExcluir
  6. Oi Pamela,
    Adorei o livro. Acho que ultimamente estou lendo livros que todos dizem ter depositado tudo nele. Eu gostei da premissa do livro. O livro parece envolver o leitor a ler mais um pouco sobre a obra. A Trish é bem misteriosa, e isso foi o que me chamou a atenção para a obra. Quero pode conhecer esse livro em BREVE...

    P.S adorei as fotos ♥

    Beijos, Enjoy Books

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Ainda não conhecia esse livro, mas não fiquei interessada na Leitura. Eu acho que um livro pode ser todo ruim, mas que o final tem que ser bom, sabe?
    Vou deixar a dica passar no momento, pois não sinto vontade de ler.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi. Eu ainda não conhecia esse livro, ainda não tinha ouvido falar sobre o lançamento dele. Parece ser bem interessante, apesar do final ser decepcionante e dos erros. Vou anotar o nome e se surgir uma oportunidade de comprar, quem sabe?!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá!!
    Devo iniciar dizendo que a temática do livro é bem interessante e achei bastante desafiador a autora criar todo esse universo. A premissa do livro me deixou bastante interessado. Sobre os erros ... É muito triste se deparar com isso, passa a impressão que a editora não está dando o mínimo de atenção para a obra. O título é muito bom e a capa é linda , estou pensando se ele é digno da minha lista de leitura. Rsrsrs
    Beijos!!!
    www.facesemlivros.com

    ResponderExcluir
  10. É a primeira resenha que leio sobre essa obra e achei o enredo interessante! Pena que quando cheguei na parte das suas impressões finais me decepcionei. Como uma editora deixa passar erros após a revisão? A capa está legal!

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oiii, eu nunca li esse livro e é a primeira vez que vejo alguém comentando sobre, infelizmente o gênero da escrita não me atrai.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia a autora e nem a obra!

    Mas já vou começar com uma piadinha: acho que ela tem me doado muito sono!!! @_@

    A sinopse do livro é boa, assim como a capa. Ambos animam o leitor a escolher este livro!

    Mas... pelo que você disse, o livro tem o defeito de ser apressado no final, um claro sinal de que o autor queria terminar logo a sua escrita, o que tira toda a positividade da resenha...

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  13. Oi Pamela, tudo bem?

    Confesso que a primeira vez que vi esse livro, não tive muito interesse. E agora que sei o conteúdo, por mais que pareça interessante, continuou sem me despertar muita curiosidade a ponto de me fazer querer ler. É uma temática bem diferente, que eu ainda não me deparei com nada similar em nenhum outro livro, mas infelizmente não fiquei tão interessada. É um pena a editora deixar passar uns erros bobos na revisão né!? Eu particularmente sempre me sinto incomodada e entro em contato com a editora avisando sobre as falhas que eu encontrei, pra que elas não persistam pq infelizmente pra um leitor elas fazem a diferença e incomodam. ;)

    Bjs Mih!
    paradisebooksbr.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem?
    Eu já não compraria o livro pela capa, achei muito sem sal para o enredo. Agora estes erros de revisão, juntados a um final sem sentido me deixou ainda mais afastado da leitura. Gosto de livros que são narrados pela personagem central, podemos sentir as emoções juntos com ela, mas acredito que não leio este livor tão cedo.

    ResponderExcluir
  15. Oiee ^^
    A sinopse é realmente muito instigante, mas eu consegui escapar...haha' A história poderia ter mesmo muito potencial com uma premissa dessas, mas, vendo a quantidade de páginas, imaginei mesmo que algumas coisas pudessem acontecer rápido demais ou de forma um tanto... mal desenvolvida?
    Uma pena a respeito dos erros, eu surto sempre que encontro algum, e sempre quero mandar e-mails para as editoras reclamando...hehe' *-*
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Sabe que eu não conhecia esse livro ainda e gostei muito da proposta dele, ainda mais que eu adoro o gênero. Só uma pena que o final te decepcionou, muito ruim quando isso acontece né? Mas acredito que mesmo assim eu daria uma chance a ele.

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir